top of page

Setembro Amarelo: Prevenção do Suicídio e Saúde Mental no Trabalho

O mês de setembro traz consigo a campanha conhecida como Setembro Amarelo®, uma iniciativa que busca conscientizar sobre a prevenção do suicídio. A campanha existe desde 2014 no Brasil, com o propósito de sensibilizar a sociedade e disseminar informações sobre prevenção e saúde mental em todo o território nacional.


Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), anualmente, mais de 700 mil pessoas põem fim às suas próprias vidas em todo o globo, havendo a possibilidade de números ainda maiores de casos subnotificados. No Brasil, cerca de 14 mil suicídios ocorrem a cada ano.


Foto de homem preto, com o braço escorado em uma parede, e a cabeça encostada sobre o braço. Ele parece triste. Veste terno verde, com camisa branca e verde e gravata vermelha. Ambiente fechado.

A Saúde Mental no Local de Trabalho:


Embora a campanha Setembro Amarelo® não esteja estritamente voltada para o ambiente profissional, a saúde mental dos colaboradores emerge como um aspecto crucial a ser considerado, com o intuito de reduzir o estigma associado a essa questão e promover suporte para aqueles que enfrentam ideações suicidas.


O local de trabalho é onde passamos a maior parte de nosso tempo, desempenhando, portanto, um papel fundamental em nossa saúde mental. Questões como estresse, carga de trabalho excessiva e carência de apoio emocional podem contribuir para problemas de saúde mental entre os trabalhadores. As empresas têm a responsabilidade de reconhecer e abordar esses problemas de forma proativa.


Foto de grupo de pessoas fotografado de costas. Todos estão com as mãos nos ombros dos outros, um "abraço coletivo" em fila. Ambiente fechado, sala de aula.

"Conforme informações da Previdência Social, a terceira maior causa de afastamentos por auxílio-doença acidentário é de transtornos mentais, como a depressão, que pode estar relacionada à ideação suicida",

enfatiza o diretor de Conhecimento e Tecnologia da Fundacentro, Remígio Todeschini.


A implementação de programas e ações de bem-estar mental, promoção de uma cultura de respeito, apoio e empatia com os trabalhadores, especialmente com aqueles que estão em tratamento contra a depressão, ansiedade e outros transtornos, são algumas medidas que podem ser adotadas por empresas e empregadores com objetivo de promover um ambiente de trabalho saudável.


Foto de mulher com as mãos na cabeça, apoiada em sua mesa de trabalho. Em sua mesa existe um monitor com alguns post its. Ela foi fotografada de costas. Ambiente fechado.

O lema da campanha deste ano é: Se Precisar, Peça Ajuda!


Todos devemos nos engajar ativamente na conscientização sobre o valor da vida e contribuir para a prevenção do suicídio. É essencial abrir diálogos sobre o assunto, de modo que aqueles que estão passando por momentos difíceis se sintam incentivados a buscar ajuda e compreendam que a vida é sempre a melhor opção.


Quando uma pessoa se encontra em um estado de pensamentos suicidas, suas perspectivas, sentimentos e ações se tornam extremamente limitados, e ela é incapaz de vislumbrar alternativas para enfrentar seus problemas, devido às distorções causadas pelo sofrimento emocional.


A melhor maneira de contribuir para a prevenção é educando-se para aprender a oferecer apoio ao próximo. É fundamental que as pessoas próximas saibam identificar quando alguém está considerando o suicídio e ofereçam uma escuta ativa, sem julgamentos, demonstrando disponibilidade e empatia, mas sobretudo direcionando a pessoa a um médico psiquiatra, que saberá como lidar com a situação de maneira adequada.



Para aqueles que desejam e precisam conversar, o Centro de Valorização da Vida (CVV) oferece apoio emocional 24h por dia, através do telefone: 188, chat online ou e-mail. Acesse o site: https://www.cvv.org.br/.



Comentários


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page